Cachorra apareceu com um 'ovo' na boca, dona a resgata e pet não sai do lado de incubadora até eclodir

Cães não precisam de carros luxuosos, casas grandes ou de roupas chiques. Água e alimento já são o suficiente. Um cachorro não liga se você é rico ou pobre. 

Esperto ou não. Inteligente ou não. Entregue o seu coração e ele dará o dele. De quantas pessoas podemos dizer o mesmo? Quantas pessoas fazem você se sentir raro, puro e especial? Quantas pessoas nos fazem sentir extraordinários?

No início do mês de junho, uma mulher chamada Erica Laurenzi estava passeando com seus cães pelo campo da sua propriedade de 250 acres localizado no estado do Maine, nos Estados Unidos, quando um de seus cachorros apareceu com um 'brinquedo' na boca.

A mulher se aproximou da cachorrinha chamada Stella para averiguar o que era, e descobriu que se tratava de um ovo, mas não sabia de qual animal.

Querendo devolvê-lo à mãe, a americana, junto do namorado, percorreram toda a propriedade, mas não encontraram vestígio de nenhum ninho.

Desesperançosa de encontrar a mãe, levou o ovo para casa e, como já havia reabilitado pássaros antes, ela tinha um pouco de conhecimento sobre o assunto, então tomou como missão ajudar o ovo misterioso a eclodir.

A mulher colocou o ovo na incubadora por 25 dias e através de suas pesquisas procurou cuidar dele da melhor maneira possível, e na manhã do seu aniversário, recebeu o melhor presente: o ovo começou a romper.

A cachorrinha Stella permaneceu sentada ao lado do equipamento, observando o nascimento do animal que ajudou a salvar.

Confirmou-se suas suspeitas, o animal em questão se tratava de um peru e a cachorrinha ficou fascinada quando o viu fora da casca. A surpresa foi saber que mesmo com tudo o que passou, o animal nasceu saudável.

Erica planeja mantê-lo em sua propriedade e torná-lo o mascote do Lost Mile Organic, projeto de aluguel de cabanas que planejam lançar na próxima primavera.

Quem ficou feliz foi a Stella que poderá ficar pertinho do seu amigo. Mas mesmo perto, a americana não deseja que os dois fiquem tão próximos, pois como deseja reintroduzi-lo na natureza, não quer que a ave acredite que todos os cães e outros animais são amigos, colocando a sua segurança em risco.

O que eu realmente queria contar era como este animal tocara nossas almas e nos ensinara algumas das lições mais importantes de nossas vidas.

Nunca ninguém disse que ele era um grande cachorro ou mesmo um bom cachorro. Ele era tão selvagem quanto uma banshee irlandesa e tão forte quanto um touro. Se quiser aprender a amar, comece com os animais... eles são mais sensíveis.

SE VOCÊ GOSTOU, DEIXE O SEU LIKE, COMENTA AQUI EM BAIXO O QUE VOCÊ ACHOU! E COMPARTILHE COM OS SEUS AMIGOS! OBRIGADA! 

Comentário do usuário