Homem derrama lágrimas de alegria ao reencontrar os seus cachorros desaparecido em um abrigo

Ter um cão ou uma cadela é ter direito a amor infinito! É chegar em casa e receber lambidas e festinha. É ter uma companhia constante e uma motivação para passeios na rua. Um cachorro traz vida para a casa de uma família! 

Graças a Deus, ele encontrou os seus amores de quatro patas! Deus abençoe e proteja os animais! Muito amor envolvido, lindo! Eu também amo animais. 

Os dois cães de Sandy Hernandez desapareceram ao mesmo tempo. Eles são husky siberiano, pularam a cerca do quintal, resolveram se aventurar pela vizinhança e não conseguiram encontrar o caminho de volta para casa. O tutor ficou arrasado, até se emocionar no reencontro, alguns meses depois.

Eles só saem de casa acompanhados e o tutor não sabe dizer por que eles resolveram se aventurar, pulando a cerca. A história, no entanto, ganhou uma repercussão tremenda. Fotos dos cães desaparecidos foram postadas nas redes sociais, na tentativa de encontrá-los. 

O tutor chegou a produzir panfletos com fotos e a descrição dos dois peludos. O homem estava realmente desesperado com a perda: os cães pareciam ter evaporado, sem deixar pistas. Até que alguém pareceu reconhecer os animais das fotos.

O morador da região que viu os panfletos havia encontrado Ragnar e Kloud, os dois huskies siberianos da família Hernandez.

Observando que os animais estavam bem cuidados e pareciam assustados com o movimento de pessoas e carros, o homem conseguiu atraí-los, levando-os em seguida para o abrigo.

Na entidade de defesa dos animais, os tratadores verificaram que os cães portavam placas de identificação na coleira, com informações de contato dos tutores. O diretor do Animal Services entrou em contato com Hernandez, que rapidamente se dirigiu ao abrigo.

O tutor correu para o abrigo, mas, ao chegar, foi informado de que Ragnar e Kloud estavam posando para fotos – que seriam usadas também na tentativa de encontrar a família, ou, em caso contrário, na localização de candidatos à adoção.

Na ocasião, Ragnar e Kloud, junto com outros cães, estavam na Ocean Drive, a avenida da praia da cidade. Hernandez foi até o local informado pelo abrigo, mal conseguindo conter a expectativa. O reencontro foi filmado.

Logo à chegada, pode-se ouvir Hernandez gritando: “Estes são os meus cachorros, cara. São os meus cachorros!”. O tutor corre na direção dos filhos de quatro patas, já sem conseguir conter as lágrimas de emoção.

O choro também contagiou os funcionários do Animal Services e a equipe da sessão de fotos. A emoção do reencontro foi geral. Hernandez ajoelhou-se no chão e abraçou os cachorros. Ragnar e Kloud igualmente demonstraram muita satisfação ao rever o amigo humano.

Depois da emoção do reencontro, o tutor explicou: “Ragnar e Kloud têm 11 meses. Eles pularam a cerca em casa. Eu os perdi na sexta-feira à noite e estive procurando por eles durante o fim de semana todinho”.

Hernandez pôde levar os cães sem problemas. Ele comprovou a posse dos animais com certificados de nascimento, comprovantes de vacinação e fotos de Ragnar e Kloud. No final, os dois peludos já estavam de volta à casa.

Mas, por via das dúvidas, o tutor decidiu tomar algumas providências. Os dois huskies siberianos receberão, nos próximos dias, microchips subcutâneos de identificação. 

Poucas coisas na vida são melhores do que chegar em casa, após um dia cansativo, e ser recepcionado por esse lindão. Um cão é um amor para a vida. Eles podem não durar vivos eternamente, mas o amor e a presença deles resistem para sempre.

Nunca duvide do amor de um cachorro. Ele nasce com a missão de te acompanhar, de te amar. E o que ele pede de volta? Amor e comida... Nada mais justo né?

SE VOCÊ GOSTOU, DEIXE O SEU LIKE, COMENTA AQUI EM BAIXO O QUE VOCÊ ACHOU! E COMPARTILHE COM OS SEUS AMIGOS! OBRIGADA! 

Comentário do usuário