Menina não consegue parar de chorar ao reencontrar seu cãozinho após dois meses de separação

As únicas criaturas que são evoluídas o suficiente para carregar o amor puro, são cachorros e as crianças. Não importa se um cachorro é de raça ou não, eles sempre vão nos amar incondicionalmente e nunca irão nos abandonar.

Se algum dia você recebeu o amor de um cão e o amou também, seja grato! Você conquistou o que mais importa nessa vida. Com meu cachorro, aprendi o que é amor de verdade.

Max saiu de sua casa. Trata-se de um pequeno cachorrinho branco e a família temeu pelo pior: com o passar do tempo, os humanos começaram a imaginar que nunca mais o teriam de volta. 

Felizmente, finalmente conseguiram encontrá-lo, quase dois meses depois. A tutora do animal, as duas meninas não conseguiam parar de chorar quando finalmente puderam pegar Max no colo mais uma vez. 

Resgate e reencontro 

O oficial Perez, em uma de suas rondas pelas ruas de San Antonio, observou um cachorro perambulando sozinho e lembrou-se dos cartazes que a família havia espalhado pela cidade meses antes – um dos folhetos chegou inclusive à delegacia. 

Perez havia descoberto o paradeiro de Max! Quando retornou ao escritório do xerife – com o cachorrinho a tiracolo –, o policial telefonou para a família, que rapidamente foi checar. Todos ficaram aliviados ao confirmar o “retorno do filho pródigo”. 

Ninguém esperava rever o cachorrinho. Perdido, Max passou a primavera e o início do verão nas ruas de San Antonio. No Texas, são justamente os meses mais quentes e secos, mas, mesmo assim, as madrugadas são frias. 

Além disso, trata-se de um animal doméstico, de estimação: Max não estava acostumado a brigar pela sobrevivência, mas foi exatamente isso que ele teve de fazer nos dois meses que passou sozinho, com água e alimentação incertas. 

Mas tem duas irmãs humanas, “de duas patas”, que não controlaram as emoções ao rever o cachorrinho no escritório do xerife. As crianças não conseguiam parar de chorar e abraçar o animalzinho. 

O cachorrinho branco também não conseguia esconder a felicidade que estava sentindo. Afinal, depois de dois meses, ele não precisaria mais revirar o lixo para encontrar alimento, nem se esconder para conseguir descansar um pouco.

Max estava são e salvo, de volta à casa, para a alegria de todos, inclusive dos policiais que fizeram o resgate. 

“Max e sua família se reuniram e, como é possível avaliar pelos rostos das crianças nas fotos, eles não poderiam estar mais felizes.” 

Que bom que ele voltou pra casa! Eu sei o quanto uma criança sofre quando perde um cachorrinho, eu perdi o meu quando eu tinha 12 anos, eu só chorava, não comia e nem conseguia dormir, eu sofri demais.

Que lindo, lágrimas sinceras, crianças e animais são verdadeiros. Graças a Deus que elas encontraram o doguinho tão amado pela família! Beijos para todos! Amo os animais!

SE VOCÊ GOSTOU, DEIXE O SEU LIKE, COMENTA AQUI EM BAIXO O QUE VOCÊ ACHOU! E COMPARTILHE COM OS SEUS AMIGOS! OBRIGADA! 

Comentário do usuário